Leve pra vida

Espiritual ou leigo

Se unirmos a razão com a emoção, dará um combo o perfeito, mas ninguém sabe a dosagem, ou apenas não usam por medo.

Uns encaram tudo com mais espiritualidade, outros são mais leigos, enquanto uma parte ser fortalece com a dor, o oposto se acovarda pelo mesmo .

Se o sol cansasse de brilhar, a lua se perderia em um céu preto, todos nós precisamos de alguém que nos faça sentir sermos a gente mesmo .

Em instantes que pensamos ser sós, enganamos e somos trapaceiros, erramos com nossos semelhantes, seres iguais a nos, mas o perdão nos torna inteiro.

Padrão
Leve pra vida

Desejo-lhe 

Que seu sorriso seja sempre sincero e sua conquista seja mediante ao seu pedido .
Que sua realização seja bem amparada por tua fé e seu sucesso jamais impedido.
Que seu triunfo seja dado na medida do seu esforço e sua honestidade espalhada por seu convívio.
Que você encante por onde passar e seu abraço se transforme em abrigo.

Padrão
Sentimentos

A pior perda de todos os tempos…

Se tem algo que a humanidade perdeu foi a sensibilidade. Hoje é tão natural morrer 20, morrer 50 ou 100…tornou se apenas números. Se acompanhar o noticiário só verá sangue, castatofres e muitas vidas sendo ceifada. O pior de tudo é que pouquíssimas pessoas se sensibilizam. Se ocorrer um acidente a xx km de onde quer que você esteja agora, perceba quantas pessoas irão ajudar e quantas simplesmente irão registrar para postar em suas redes sociais, quem sabe até com a legenda de luto, sendo que tudo é mentira. Registrou apenas para ter argumentos , uma notícia nova pra atualizar o status e com isso nós seres humanos vamos perdendo a vez, vamos perdendo a essência da vida e o deveria estar sendo feito perdeu o espaço para as redes sociais.

Entre jovens e velhos não existe mais respeito, quem procura conservar alguns bons costumes é visto como cafona, e até dentro das próprias casas vive-se com medo da violência o sufocar…

Mas será que isso acabará algum dia ? Ou daqui pra frente tudo só pioraria? Sei que são perguntas que só quem sobreviver saberá.

Padrão
Sentimentos

Fazer o bem sem esperar nada em troca…

​Imagine que você está cansado passou o dia inteiro trabalhando em pé, sem direito a descanso, a sola do pé ja estava formigando e com dores na perna e na coluna, pegou um coletivo super cheio carregando uma mochila pesada e num determinado momento surge uma cadeira, mesmo sendo preferencial você se senta. Quando Mal esticou as pernas entra um idoso.  E aí? Você levanta e sede o lugar que de fato é dele/a ou permanece sentado e finge que dormiu?

Há pessoas vários tipos de pessoas, dentre elas tem a que vai dizer “paguei caro pela passagem vem o sr/sra nem paga passagem e quer se assentar…eu estou cansada/o sinto muito , vá em pé”. E outras que levam pra uma linha de raciocínio: Vou me levantar por que um dia serei idosa/o também . Sabe de uma coisa?! Não pense assim. É tão melhor imaginar que ao fazer o bem você estar fazendo o melhor para si mesmo,e nesse caso, como um cidadão que se esforça para cumprir as leis estará cumprindo também.

É melhor fazer o que parece ser politicamente correto sem esperar nada em troca, pois essas recompensas nem sempre sao visiveis, e por não serem visíveis pode tornar cansativo a idéia de ajudar as pessoas e com isso você desistirá de ajudar alguém.

Digo pois já passei por isso,voltando a um exemplo de ônibus cheio: na época eu tinha uns 15 anos quando  sofri uma entorse de tornozelo, e fui pra emergência de ônibus ,era óbvio que uma pessoa naquele estado seria difícil se manter em pé, sem contar com a dor que estava sentindo mas foi o que me aconteceu…o ônibus nao estava cheio ao ponto de faltar espaço pra segurar, mas tinha no máximo umas 5 pessoas em pé e nenhuma das 35 que estavam sentadas tiveram a coragem de ceder um lugar para mim. Ah, mas como essas pessoas iriam saber que você tinha torcido o pé? Estava super notável além de ter torcido, tinha ferido boa parte da perna o que impediu de engessar e inchou bastante,  por fim da história resolvi sentar no chão mesmo , e nem pense que foi nos degraus da porta, tinha gente já ali, foi no corredor mesmo com a perna esticada pois não conseguia dobrar, sei que paguei mico mas tudo bem, até hoje dou risada quando me lembro da cena.

Na maioria das vezes , num coletivo cheio é necessário que você tente ajudar, segurando uma bolsa aqui outra ali…e quantas vezes você se sobrecarregou com mochilas dos outros e quando foi sua vez que estava em pé ninguém se prontificou para ajudar?

Então por isso que se estiver fazendo as coisas por  efeito de progresso induzido vai desistir no primeiro obstáculo na primeira “trollagem” que a vida der. O ideal é fazer o que parece ser menos errado no momento certo , sem entrar no jogo de troca . Se coloque no lugar do seu próximo e faça por ele/a tudo que te faria feliz, assim a vida fica mais leve , e torna-se mais dificil perder o encanto.

Padrão